Ihh cara essa foto saiu meio “bunda” … da pra aproveitar ainda?

Caros,

A frase que da nome ao assunto do dia é um fragmento de um dialogo engraçadíssimo ocorrido no ano passado no meu local de trabalho , desculpem não colar o dialogo na integra pela sua extensão e “palavras mau-criadas” mas resumindo a frase diz que as fotos vieram com as cores “mortas” ou para quem bem entende “sem vida” e hoje nós vamos ver bizus elementares sobre como consertar esta “cagada orbital”:

Seria anti-ético da minha parte utilizar a fotografia “estopim” da frase, então escolhi estas para ilustrar o exemplo do dia não esquecendo que você naturalmente escolherá as suas meu caro(a)  aprendiz:

lolita_long_tongue_stock_by_lolitagirlie_stock

wrath_viii_by_fetishfaerie_stock

E …

762645_58516776

Vamos começar pelo caso mais simples :

Aparentemente a imagem está com o conceito bem vivo porém ainda lhe falta “sal”

lolita_long_tongue_stock_by_lolitagirlie_stock

Para amplificar o conceito eis o “pulo do gato:

Duplique a camada base da imagem e inverta a sua estrutura coloral, as imagens abaixo ilustram esta primeira etapa:

edgezt1

edgezt2

Agora aplique sobre esta camada o efeito de camada denominado “Extrair Grãos”:

edgezt3

Veja o que aconteceu=]:

edgezt4

Agora vamos amplificar um pouco mais, duplique esta camada e aplique sobre ela o efeito de camada denominado “Super-Exposição” . Feito isso escolha um pincel ou um set de sua preferência crie uma pequena composição sobre esta camada utilizando a ferramenta borracha:

edgezt5

Eis o que temos até aqui:

edgezt6

Agora que já nos aquecemos vamos tornar as coisas mais “claras”:

Vejamos, se eu repetir o processo de realce podemos notar algumas pequenas diferenças no trato mas não no braçal técnico, vamos a elas:

wrath_viii_by_fetishfaerie_stock

Repare que quando se inverte a ausência de cor em contraste com a predominância da cor luz o fundo se torna branco e o objeto em si o negro ausente de cor:

edgezt7

Porém isso não prejudica em nada o nosso trabalgho no uso da tecnica aqui discutida:

edgezt8

edgezt9

Outra coisa legal deste tipo de conceito é que é possível deixa-lo com um ar mais sombrio através de uma pequena modificação, vamos a ela:

Duplique a camada que sofreu a inversão de cores e sobre esta aplique o efeito de camada denominado “Subtrair”, depois duplique esta mesma camada para amplificar o efeito.

edgezt10

edgezt11

Agora vamos aplicar o que aprendemos a um cenário e não a um objeto sem fundo :

Sim, abaixo nós vemos os mesmos elementos utilizados para modificar a primeira imagem do dia. =-]

edgezt12

Como dever de casa exercitem estes conceitos em 3 imagens diferentes.

Vejo vocês no nosso próximo assunto!=]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: