Globo-Web

Caros,

Hoje nós vamos retornar ao âmbito das esferas volumétricas, é bem verdade que já vimos como criar tal objeto com inúmeras roupagens e materiais e no caso do assunto do dia não será diferente =]. Dito isso, hoje nós vamos aprender a criar uma esfera feita de linhas concorrentes e perpendiculares entrelaçadas como uma rede, um bom exemplo disso seria um “globo de luz” como esses de discoteca ou mesmo um modelo feito com fibra óptica.

Comecemos os trabalhos do dia criando uma nova imagem com extremidades equidistantes, acredito que para o momento 1000×1000 pixel s seja o suficiente para a maioria, porém não esqueça de que você é livre para optar pelo tamanho que achar mais conveniente:

globwep1

O primeiro passo é criarmos uma textura com intervalos e contrastes uniformes. Assim o filtro renderizador denominado “Xadrez” nos atende perfeitamente:

globwep2

No documento anterior nós apenas fomos apresentados ao caminho até o filtro sem que a serventia específica de cada parâmetro fosse comentada de maneira apropriada, assim vamos a eles:

“Tamanho”: Este parâmetro tem a sua serventia em determinar qual  será o tamanho de cobertura uniforme do objeto que sofrerá a ação do filtro. Quanto menor for a valoração deste ítem maior será o conjunto de celulas independentes a serem criadas fazendo uso da textura e vice e versa.

“Psicodelizar” : Este parâmetro tem a sua serventia em criar uma sensação de volume ilusório fazendo uso da textura. Aproveitando, sua ativação é recomendada para o assunto do dia:

globwep3

Quando satisfeito, ordene o filtro a trabalhar e eis o que temos:

globwep4

Muito bem, vamos agora definir as funções das cores neste trabalho. Assim como fizemos no documento anterior, vamos aqui transformar o branco em borda e o preto em fundo fazendo uso do filtro denominado “Bordas” cujo caminho pode ser visto abaixo:

globwep5

Assim como fizemos com o filtro anterior, vamos apresentar seus parâmetros e suas respectivas serventias:

Algorítimo: Tal parâmetro tem a sua serventia em determinar qual será a padronagem a ser adotada pelo filtro no ato do remapeamento do objeto em bordas. Para o exemplo do dia tal ajuste influi no trabalho de maneira indireta deixando a sua “assinatura” durante todo o trabalho, assim escolha com cuidado qual você irá utilizar:

Quantidade: Tal parâmetro determina o ganho de luz a ser empregado no realce das bordas do trabalho:

globwep6

Quando satisfeito deixe o filtro trabalhar:

globwep7

Muito bem, chegou a hora de finalmente transformarmos estas linhas em uma esfera =], para esta tarefa iremos fazer uso do nosso já bem conhecido filtro denominado “Mapear Objeto” cujo caminho pode ser visto abaixo:

globwep8

Aqui a tarefa é simples, antes de mais nada ordene que o filtro crie uma nova imagem, preservando assim a imagem original que poderemos utilizar mais tarde a nosso critério, aproveitando, ordene também que o fundo seja transparente para que assim tenhamos mais liberdade para com o objeto sem se esquecer de ativar a opção “Exibir esqueleto na pré visualização” para que assim possamos posicionar e moldar o nosso objeto a gosto:

globwep9

Agora basta ajustar o posicionamento e angulo de visão do objeto de maneira que o satisfaça. Satisfeito autorize o filtro a trabalhar e aguarde o processamento:

globwep10

Eis o que temos até aqui para com o exemplo do dia:

Poderíamos até parar por aqui mas…. =] vamos apimentar um pouco mais as coisas:

globwep11

Vamos agora dar um pouco mais de brilho a nossa esfera:

para tanto, duplique a camada base da mesma:

globwep12

Agora vamos desfocar a nova camada utilizando o nosso já velho conhecido filtro denominado “Desfocagem Gaussiana” cujo caminho pode ser visto abaixo:

globwep13

Uma valoração acima de 17,0 já faz bem o serviço:

globwep14

Feito isso, aplique sobre a camada que sofreu a ação do filtro o efeito de camada aditivo denominado “Adição” . Para obter ainda mais brilho basta agora duplicar esta mesma camada algumas vezes =]:

globwep15

Combinando as camadas visíveis do trabalho, leve a esfera criada por você devolta a imagem original e sobre ambas crie uma pequena composição com pincéis de conceito compatível:

globwep16

Para finalizar sugiro ainda a aplicação de um degradê a seu gosto:

globwep17

A troca das cores e realocação da estrutura luminosa é FACULTATIVA:

globwep18

para um contraste mais definido em degradês lisos com quebras, geralmente é mais facil destacar tal propriedade desmarcando o canal dasaturação no modo de operação HSL deste filtro:

globwep19

Pronto! Finalizado o exemplo do dia!=]

globwep20

Dito isso meus caros, vejo vocês no nosso próximo assunto!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: