Prazer! Eu sou A EEVEE!

em

Caros,

Hoje vamos explanar sobre o tão esperado novo renderizador que virá substituir o renderizador interno a partir da próxima versão do Blender!

A EEVEE é um renderizador em tempo real que permite a visualização imediata de qualquer objeto que estiver sofrendo intervenções de forma que possamos ver como será o resultado sobre materiais , reflexos, luminosidade, mapeamento de texturas e o que mais desejarmos sem que para isso seja necessário ficar alternando entre modos de visualização ou mesmo sofrendo com engasgos de memória que assolam o também incrível e poderoso Cycles. captura de tela de 2019-01-25 03-08-23

E o Blender? Será que ele também mudou tanto assim ?

*(AVISO IMPORTANTE:  O novo Blender ainda não foi oficialmente lançado sendo DESACONSELHADO o seu uso em produção diária, sendo assim utilize por sua conta e risco.)

É bem verdade que falar da EEVEE sem comentar as mudanças na interface do Blender seria considerado uma grande heresia, dito isso vamos comentar as “atualizações” mais importantes na interface. Digo sim atualizações pois apesar de profundas, tais alterações não alteraram as dinâmica primária da ferramenta em si pois ainda é possível executar as mesmas tarefas do “jeito antigo”, porém com um ganho considerável de produtividade!

Da seleção de objetos e alternância entre modos de interação:

Para selecionar objetos na cena 3d, vértices, faces ou pontos agora se usa por padrão o botão ESQUERDO do mouse e não mais o direito! É claro que no menu de preferências do usuário e logo no primeiro uso da nova versão isto pode ser alterado, porém, o ganho de produtividade é muito grande.

Movimentação, rotação, escalonamento e transformação de objetos:

Basicamente o que mudou foi a disposição do menu responsável pelos eixos que agora fica por padrão localizado no lado ESQUERDO da interface, note que o objeto não traz mais os eixos “cravados” no mesmo, sendo necessária a seleção do modo de interação desejado para realizar a operação desejada clicando no eixo desejado como visto na imagem abaixo, quanto aos demais atalhos destinados a tais operações, estes permanecem exatamente os mesmos! Vamos relembrar ?

S – Escalonar o objeto selecionado totalmente

S + X – Escalonar somente o eixo X

S + Y – Escalonar somente o eixo Y

S + Z – Escalonar somente o eixo Z

R – Rotacionar o objeto como um todo

R *(Precionada duas vezes em sequencia) Alternar eixo de rotação.

R + X – Rotacionar apenas o eixo X

R + Y – Rotacionar apenas o eixo Y

R + Z – Rotacionar apenas o eixo  Z

G – Mover o objeto em qualquer direção

G + X – Mover o objeto em ao longo do eixo X

G + Y – Mover o objeto em ao longo do eixo Y

G + Z – Mover o objeto em ao longo do eixo  Z

captura de tela de 2019-01-25 01-15-12

O menu com os modos de interação para com o objeto denominados “Edit mode, object mode etc” agora estão na parte superior ESQUERDA da interface, outra mudança importante se dá na forma de utilizar as ferramentas presentes no “Edit mode” que é onde passamos boa parte do tempo efetivamente modelando nossos projetos, com ícones mais vivos  a disposição permanece a mesma, porém para visualizarmos o ítem desejado de forma completa é necessário segurar o botão esquerdo do mouse.  As demais dinâmicas permanecem praticamente as mesmas, porém muito mais fluídas!

Na imagem abaixo temos a nova configuração do “edit mode” e também o nosso primeiro real  contato com a renderização em tempo real proporcionado pela EEVEE.

O Novo renderizador trabalha de maneira muito similar ao Cycles, porém com a renderização em tempo real já habilitada, na imagem abaixo observe que no canto superior direito da cena 3d temos 4 pequenos circulos, eles definem o tipo de renderização que o mesmo irá entregar, o primeiro botão consiste no tradicional “esqueleto estrututal” *(wireframe), enquanto que o último já entrega o resultado do seu projeto em tempo real!

captura de tela de 2019-01-25 02-21-56Trabalhando com materiais:

A metodologia de trabalho para com os materiais na EEVEE é muito similar a vista no renderizador Cycles, note que podemos adicionar materiais primários da mesma forma como se fazia no antigo renderizador interno que equipava o blender até a versão 2.79, ao habilitar o “uso de nós” podemos criar materiais incríveis e novas possibilidades com texturização inclusa.

captura de tela de 2019-01-25 02-02-09

Mas… e na hora de fazer o render final?

A opção denominada “Bloom” provoca um aumento da luminosidade permitindo criar efeitos sensacionais! O bom e velho recurso “Ambient Occlusion” *(Oclusão ambiente) assim como os novos recursos da câmera como o ajuste de foco facilitado, porém nós não vamos a lugar nenhum sem primeiro ajustar a qualidade do nosso render, isso é vital para se obter bons resultados e ativar exatamente os recursos desejados para cada tipo de projeto, na imagem abaixo temos como bons exemplos:

Sampling :

É a onde definimos a qualidade da nossa renderização, quanto mais alto seu valor, mais preciso será o render final, o ajuste denominado “viewport” determinará a qualidade do render em tempo real.

Deph of Field:

A profundidade de campo tem a sua serventia em determinar a profundidade e foco da câmera em si em relação ao nosso projeto.

Bloom:

Este efeito provoca uma aumento sensível do reflexo da luminosidade no projeto como um todo.

sampleeevee

captura de tela de 2019-01-25 01-55-29

Hora de posicionar a câmera: 

Os consagrados “walk and fly” modes estão presentes na nova versão, tais recursos permitem que a camera se mova em qualquer direção e velocidade de forma prática e objetiva, porém tais recursos trocaram de lugar e o atalho não foi refeito, porém se você preferir pode recria-lo no menu de preferências do usuário. A imagem abaixo fornece o novo caminho:

eveeflycamera

Com a câmera já posicionada ao seu gosto baasta utilizar a costumeira tecla denominada “F12” e aguardar um pouquinho!

captura de tela de 2019-01-25 02-19-50

Cuidado com o foco! Jamais se esqueça de focar a câmera no ajuste denominado “Profundidade de campo” ou seu projeto ficará desfocado!

captura de tela de 2019-01-25 02-16-46Prontinho, veja como o foco faz toda a diferença!

captura de tela de 2019-01-25 02-16-33

A câmera pode ser manipulada tanto com perspectiva em primeira pessoa quanto em terceira pessoa, utilize essa vantagem para obter imagens únicas do seu projeto.

captura de tela de 2019-01-25 02-39-07

E eis aqui um exemplo do que a Eevee pode proporcionar ainda em configurações mínimas!

captura de tela de 2019-01-25 03-05-53

Agora que já conhecemos a Eevee, vamos fazer um pequeno exercício para vermos do que ela é capaz! Dito isso, modele algo a seu gosto, no caso optei por modelar uma singela réplica de motor de avião partindo de um simples cilindro:

captura de tela de 2019-01-25 03-57-17Feito isso, já vamos imaginar como será a nossa cena 3d renderizada, no caso optei por um ambiente com pouca luz, para a turbina, optei por deixar bem lisa então subdividi as faces e suavisei as sombras, isso se faz clicando com o botão direito no objeto selecionado aplicando sobre o mesmo a opção denominada “Shade smooth”. captura de tela de 2019-01-25 04-15-47Turbina sem asa não tem graça! Um simples plano solidificado já resolve o problema!

captura de tela de 2019-01-25 04-34-16

A configuração da iluminação é feita da mesma forma que no renderizador Cycles, faça ao seu gosto.

captura de tela de 2019-01-25 06-18-02

Até poderíamos deixar assim mesmo mas….

captura de tela de 2019-01-25 06-00-05

Com textura é MUITO mais legal! A boa notícia é que a Eevee lida com texturas praticamente da mesma forma que o Cycles, exigindo muito pouco trabalho, apenas não se esqueça de fazer o mapeamento UV correto para o seu projeto para que a textura seja aplicada onde  realmente se deve.

captura de tela de 2019-01-25 07-31-43captura de tela de 2019-01-25 07-32-52E assim ficou o nosso render do dia pessoal, fica o convite para nos aprofundarmos juntos em diversos novos assuntos interessantes no campo da modelagem 3d, impressão 3d, design e robótica, até o nosso próximo assunto pessoal!

solowing

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s