Como criar personagens com o Blender!

em

Caros,

A criação de personagens vai muito além de “marteladas orgânicas” no modo de edição do Blender ou de qualquer outro software de modelagem 3d, 2d ou qualquer outra técnica que poderia ser citada neste documento, assim, hoje nós vamos falar também um pouquinho sobre este processo além do já esperado trabalho de modelagem e renderização do produto final em si de forma que você possa criar personagens com qualidade e que possam carregar a mensagem que você está tentando transmitir, vamos lá ?

capturadetelade2019-01-3105-33-06

Ah! Essa dai é a “Mi?!”, a simpática mascote do canal da Noobli no Youtube! Sim! É uma pinguim  com longas madeixas como as da sua dona, óculos e grandes olhos saltados pela sua demora em decidir os assuntos aos quais quer falar 🙂

Comecemos então com uma pequena introdução aos conceitos de modelagem e atribuição de materiais a malhas 3d! O grande segredo é imaginar o personagem bem antes de se quer tocar no computador, comece com o bom e velho “papel e caneta” elaborando pequenos esboços conceituais, isso irá ajudar você a atribuir ao personagem justamente a mensagem que você deseja passar.

 

 

A criação de cabelo estático ou semi estático pode ser feita a partir da adição de curvas no Blender, isso se faz para economizar memória , o procedimento em si é muito simples, vamos lá ?

Comecemos então adicionando uma curva Bezier simples:

bezie1noobl

Feito isso podemos definir como será o “fio”, particularmente eu não gosto de extrusar, prefiro apenas ampliar a profundidade e a resolução do mesmo como visto nas imagens abaixo: bezie2noobl

bezie3noobl

Agora podemos ir ao modo de edição e com o comando “Alt + S” podemos ampliar uma determinada porção e setor de acordo com a nossa vontade!bezie4noobl

Agora basta replicar o fio criado até ficar a contento!

capturadetelade2019-01-3104-08-43
capturadetelade2019-01-3104-22-21

Feito isso, vamos agora criar um material para o referido “cabelo”, procure evitar tons muito distoantes do personagem, a menos é claro que isso esteja previsto no seu projeto

capturadetelade2019-01-3104-30-02
capturadetelade2019-01-3104-30-52
capturadetelade2019-01-3104-33-46
capturadetelade2019-01-3104-36-03
capturadetelade2019-01-3104-43-34
capturadetelade2019-01-3104-47-05

Acessórios sem esforço ? Dá sim!

Podemos utilizar o Inkscape para vetorizar um óculos por exemplo sem o menor esforço!

Comecemos então rasterizando os bitmaps em separado ou vetorizando com a clássica caneta bezier partes mais sensíveis como as astes da armação. 

capturadetelade2019-01-3104-57-09
capturadetelade2019-01-3104-57-26

Feito isso basta salvar o svg e importar para o blender, extrusando em seguida e posicionando as astes em seu devido lugar!

capturadetelade2019-01-3105-02-36
capturadetelade2019-01-3105-02-56
capturadetelade2019-01-3105-04-46

Como criar as lentes ?

Comecemos com uma forma elíptica com material vítrico, para tal, basta elevar a transmissão ao máximo e reduzir os demais valores do material padrão da EEVEE como visto nas imagens abaixo:

capturadetelade2019-01-3105-10-15

Não se esqueça de ajustar a lente em relação a armação!

capturadetelade2019-01-3105-12-18
capturadetelade2019-01-3105-14-43
capturadetelade2019-01-3105-14-56

Feito isso, podemos agora preparar a cena para renderização ao nosso gosto!

capturadetelade2019-01-3105-19-04
capturadetelade2019-01-3105-21-06

Feito isso, não esqueça de posicionar a câmera de maneira que se possa captar corretamente o personagem e eventual cenário:

capturadetelade2019-01-3105-26-34
capturadetelade2019-01-3105-27-00
capturadetelade2019-01-3105-28-07
capturadetelade2019-01-3105-28-42
capturadetelade2019-01-3105-29-15
capturadetelade2019-01-3105-30-47

E aqui está a Noobli contemplando o horizonte….

capturadetelade2019-01-3105-31-25

Só que NÃO! Agora é hora da mesma ganhar vida através de animação com Bones!

Bones são o esqueleto que propcia que personagens possam obter movimentos coordenados no Blender!  Comecemos então adicionando o primeiro e levando o mesmo para o modo de edição, extrusando-o de forma a criar um esqueleto como visto nas imagens abaixo:

capturadetelade2019-01-3105-34-59
capturadetelade2019-01-3105-48-38
capturadetelade2019-01-3105-48-46
capturadetelade2019-01-3105-49-29
capturadetelade2019-01-3106-25-39
capturadetelade2019-01-3106-54-48

Feito isso, selecione primeiro a malha e depois o esqueleto precionando então o comando “Ctrl + P” marcando em seguida a opção “Automatic Weights”, isto fará com que a distribuição de “peso” da malha se adeque melhor aos movimentos que seu personagem venha a executar:

capturadetelade2019-01-3106-54-53
capturadetelade2019-01-3107-17-21

Agora para reforçar vamos ver o procedimento em vídeo =].

 

Dito isso meus caros aprendizes, vejo vocês no nosso próximo assunto!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s